Resenha: “O quarto dia” – Sarah Lotz

Oi, oi!

Primeiramente quero deixar bem claro que não estou acostumada a ler livros com uma abordagem de horror, então, não sei se estarei sendo muito cruel em destacar alguns pontos que faltaram nessa leitura.

IMG_20180715_115521_713

nota: 🍭🍭🍭

SINOPSE:

”Janeiro de 2017. Após cinco dias desaparecido, o navio O Belo Sonhador é encontrado à deriva no golfo do México. Poderia ser só mais um caso de falha de comunicação e pane mecânica… se não fosse por um detalhe: não há uma pessoa viva sequer no cruzeiro.

As autoridades acham indícios de uma epidemia de norovírus, mas apenas descobrem os corpos de duas passageiras. Para piorar, todos os registros e gravações de bordo sofreram danos irreparáveis.

Como milhares de pessoas podem ter sumido sem deixar rastro? Teorias da conspiração se alastram, mas só há uma certeza: 2.962 passageiros e tripulantes simplesmente desapareceram no mar do Caribe.

Em O quarto dia, Sarah Lotz conduz o leitor por uma viagem de réveillon que tinha tudo para ser perfeita. Mas às vezes o novo ano reserva surpresas desagradáveis…”


Não li o primeiro livro de Lotz, intitulado Os três, então não sei se ele poderia completar algumas informações que acabei perdendo aqui — de acordo com algumas resenhas do Goodreads, O quarto dia não é uma sequência.

Mini spoiler: em O quarto dia, saiba que coisas esquisitas vão acontecer com as pessoas que vão estar no navio quando uma pane acontecer, resultando na falta de energia e fuga de rota. Ponto. Esse é o enredo.

O que tenho a dizer, sem dúvida alguma, é que fiquei agoniada enquanto lia — o que é muito bom, oras. O drama não é apenas do lado sobrenatural dos acontecimentos, mas sim, do racional também – quem ler entenderá o que digo.

Existem personagens principais que dividem os capítulos — em terceira pessoa — contando suas histórias, e o que achei legal, foi a interação entre eles. Tudo se encaixava. Além disso, cada um possuía uma característica e história diferentes — mas todos estavam na pior, tinham problemas. Temas como o suicídio, abuso sexual, dependência química são explorados na trama.


Parte do terror: CONTÉM SPOILERS

O terror esteve presente, sim. Porém, ao meu ver, tudo foi muito sutil. Em alguns momentos fiquei aterrorizada, ansiosa com o que poderia acontecer, mas as apreensões eram vãs devido aos resultado. nada acontecia de fato. Por exemplo: tinha o tal do espírito da Dama de Branco, mas ele não fazia absolutamente nada; tinha o espírito de uma criança que rondava uma das personagens, e que não acrescentou absolutamente nada para a história. E os barulhos no necrotério devido a mulher morta? Foram inúteis, pois não resultaram em n.a.d.a. Enfim, partes que deram um gigantesco suspense as quais ficaram soltas e sem resposta.


O final:

Não sei opinar, foi tudo muito esquisito.

O fim foi o que mais me preocupou, pois não houve um desfecho exato (e eu sinceramente não entendi). A história, para mim, mudou (?).


O que gostei:

  • a diversidade dos personagens.
  • a temática.
  • a escrita de Sarah Lotz (é simples, porém tranquila). Ps: tem muito palavrão, o que torna mais real, já que a situação em que os personagens estão é completamente caótica.
  • a sensação de desespero que a obra provoca.

O que não gostei:

  • O FINAL.
  • O terror gratuito/sem explicativa.

O livro não é ruim. Na verdade, ele é instigante! Fiquei maluca para descobrir o final, o li em dois dias. Como eu disse no início da resenha, não estou acostumada a ler livros com uma temática mais sombria e sobrenatural, então não sei se fui muito crítica aqui – mas só estou dando minha opinião. Recomendo O quarto dia para quem gosta de livros macabros e suspense.

Anúncios

Escrito por

Sou Daniela Esperandio Dias, uma capixaba de 19 anos que tem coluna de uma senhora de 70. Curso jornalismo e estou na luta para aprender francês. Amo ler e escrever, e tenho um caso sério com o chocolate.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s